PSD levará aumento polémico da fatura da água à Assembleia Municipal devido a decisão “unilateral” da autarquia

O vereador líder do partido da oposição no executivo camarário revela como foi gerido o acordo com a Associação de Terras de Santa Maria sobre o aumento da tarifa na fatura da água. PSD quer levar o assunto à discussão na Assembleia Municipal. Dada a forma como o assunto foi gerido, poderá acontecer que a taxa relativa ao aumento do acordo feito com a ATSM tenha de ser revogada.

0

A polémica sobre o aumento da fatura da água para os bolsos dos oliveirense no início do ano está longe de terminar. O Azemeis.NET sabe que o PSD pondera levar o assunto a uma das próximas reuniões da Assembleia Municipal de Oliveira de Azeméis, local onde o tema nunca foi discutido tal como é obrigatório por lei, argumentam os sociais-democratas.

O PSD denuncia as decisões do executivo camarário liderado por Joaquim Jorge. O vereador líder do partido oposição, Ricardo Tavares, revelou no programa Politicamente Correto, emitido pela rádio Azeméis FM, que o presidente da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis tinha levado para uma reunião de executivo camarário a discussão da proposta de ratificação de contrato relativa às taxas de água e saneamento com a Associação de Municípios das Terras de Santa Maria (AMTSM).

Puxando a fita da cronologia dos acontecimentos atrás, Ricardo Tavares relembrou que a decisão dos custos a imputar a cada município e a forma de pagamento foram decididos no reunião do concelho directivo da AMTSM no dia 25 de outubro de 2018 – nesta altura já Joaquim Jorge era presidente da autarquia oliveirense.

O que se seguiu, segundo Ricardo Tavares, foi uma “decisão unilateral” do presidente da Câmara Municipal, sem sequer levar o assunto à discussão do órgão máximo do concelho de Oliveira de Azeméis

“Ficámos a saber a 14 de novembro de 2019 que o sr.presidente no dia 1 de dezembro de 2018, antes de ter levado a minuta do contrato à reunião de câmara, já tinha assinado o contrato a definir o encargo, o compromisso e os aumentos dos tarifários se repercutirem nos munícipes”, revela Ricardo Tavares.

O vereador líder da oposição no executivo camarário concluiu na sua intervenção no programa político da Azeméis FM: “Está em causa uma questão de justiça, de legalidade e de verdade, porque este assunto andou a escapar a toda a gente de forma intencional por parte deste executivo PS”.

Por estas razões, o PSD levará o assunto do aumento da tarifa da água no concelho de Oliveira de Azeméis a ser discutido na Assembleia Municipal. “O assunto esteve realmete na ordem dos trabalhos, mas nunca chegou a ser discutido. Na reunião em que estava marca a discussão da assinatura do acordo com a Associação de Terras de Santa Maria o tema acabou por ser adiado, mas depois nunca voltou à Assembleia Municipal”, revela fonte social-democrata ao Azemeis.NET.

Dada a forma como o assunto foi gerido, poderá acontecer que a taxa relativa ao aumento do acordo feito com a ATSM tenha de ser revogada.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here