Esteve dois meses afastado dos jogos da Liga Placard sem poder dar o seu contributo à equipa de basquetebol da União Desportiva Oliveirense, por estar a debelar uma peritonite (lesão que afecta  a cavidade abdominal (estômago, intestino, pâncreas, fígado, rim, vesícula biliar, etc.), mas mesmo assim fez história nesta época (2019/2020) que foi cancelada por causa do vírus COVID-19. José Barbosa , de 29 anos, conquistou o título individual de rei das assistência da Liga Placard, tal como pode ver no quadro que publicamos a seguir retirado do site da Federação Portuguesa de Basquetebol.

Falhou sete dos 22 jogos realizados pela equipa, mas fez 89 assistências para os seus colegas pontuarem, o que representa uma média de quase seis assistências (5,93) por cada jogo que disputou, o que representa uma diferença de 26 décimas relativamente à media do jogador que ocupa a segunda posição deste ranking: Anthony Ireland, do SL Benfica.

Há outros dados estatísticos de relevo que comprovam a influência do capitão José Barbosa na equipa da UD Oliveirense. Marcou 92 pontos, o que representa uma média de 6,13 pontos por jogo. Tem uma maior percentagem de acerto no lançamento de 3 pontos (54,17%) do que na área dos 2 pontos (33.33%), e é muito raro falhar na linha de lance livre (marcou 33 em 36 tentados, o que representa uma média de 91,67%).

Uma surpresa surge ao analisar a estatística de ressaltos. José Barbosa ocupa a posição de base em campo, mas na hora de defender vai disputar a bola no meio dos grandes. Esta época o número 6 da União Desportiva Oliveirense amealhou 38 ressaltos, mas 30 são defensivos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here