Ultrapassámos os 20 000 utilizadores únicos em março

0

No mês de março o site Azemeis.NET voltou a bater o recorde de visitas. No total, houve 21 765 utilizadores que procuraram esta magazine digital de Oliveira de Azeméis para consumir pelo menos um dos nossos conteúdos. Durante este último mês publicámos artigos que despertaram o interesse de milhares de pessoas. O artigo onde é relatado a primeira morte de uma pessoa no concelho vítima do vírus COVID-19 foi lido 7 562 vezes e ocupa o primeiro lugar da tabela dos artigos mais lidos deste mês. A entrevista que fizemos ao nutricionista Fernando Póvoas, onde recorda os seu tempos vividos no nosso concelho foi lido por 3 289 vezes. Os artigos onde damos conta sobre a realidade do comércio no nosso concelho e da solidariedade dos nossos empresários com a chega do vírus pandémico de 2020 também mereceram atenção dos nossos leitores.

Os tempos que aí vêm não são fáceis, mas vamos continuar a tentar trilhar o caminho da produção de informação que interesse aos oliveirenses.

Listagem dos artigos mais lidos no mês de março no Azemeis.NET

Redes Sociais

Como tem vindo a ser hábito, além do conteúdo no nosso site há muita informação que partilhamos na nossa página de Facebook. Os nossos posts nesta rede social captou a atenção de 34 000 pessoas o que é um número bastante aceitável uma vez que neste momento somos seguidos por 2 400 utilizadores. O nosso objectivo neste momento é que a nossa página seja seguida por 3 000 utilizadores. Por isso, se está a ler este artigo e ainda não fez like na página do Azeméis.Net pode fazê-lo já aqui. Se por acaso já é nosso seguidor, compartilhe a nossa página pelos seus amigos e familiares.

Diretor do Azeméis.Net | Comecei o meu percurso de jornalista há mais de duas décadas em Oliveira de Azeméis. Tinha 16 anos e foi o jornal Correio de Azeméis que me acolheu. Em 2015 idealizei o projecto Azemeis.Net, e no início de 2019 comecei a fazer força para o seu arranque. Tenho orgulho oliveirense e quero mostrar neste cantinho virtual que há realmente vida em Azeméis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui