Azeméis Gran Plaza oficialmente cancelado. Será construído um bloco de apartamentos com pequena galeria comercial

Onze anos depois da data prevista para a inauguração do Azeméis Gran Plaza em Oliveira de Azeméis, torna-se oficial que o imóvel não será construído. A autarquia tem agora luz verde para aceitar a redução do negócio proposto pela empresa promotora do investimento que tem outras ideias para o terreno.

0

É oficial. A cidade de Oliveira de Azeméis não verá a ser realizado o shopping Azeméis Gran Plaza cujo inicio de construção estava agenda para o segundo semestre de 2010, isto depois de ter sido adiada devido à crise económica – neste link pode ler a última notícia que existe sobre o tema. O negócio de 2,5 milhões de euros entre a autarquia oliveirense e o grupo Martifer, responsável pela construção do equipamento e que ocuparia 6200 metros quadrados, distribuídos por dois pisos, com cerca de 30 lojas, zona de restauração, duas salas de cinema, uma Loja do Cidadão e um posto de combustível, e que iria criar 250 postos de trabalho, foi transformado num negócio de um milhão de euros (valor adiantado pela Martifer ao Município de Oliveira de Azeméis) no início do acordo (que nunca terá sido cumprido pela empresa responsável pela construção do novo shopping).

A planta que se segue mostra os lotes de terrenos que estavam envolvidos no negócio inicial e que valiam os 2,5 milhões de euros acordados para serem arrecadados para os cofres da autarquia.

Planta que demonstra aquela que seria a zona de ocupação do shopping (lote 5 + Lote 18)

Mas o negócio inicial foi completamente alterado e no final irá resultar numa coisa completamente diferente. Na última Assembleia Municipal foi aprovada (com votos contra da bancasa social-democrata) a redução de negócio entre a autarquia oliveirense e a “Promoquatro – Investimentos Imobiliários, lda” sendo apresentada ainda uma reformulação de projecto. Está assim dada a luz verde para a autarquia aceitar a proposta apresentada pela empresa promotora que agora se designa como APCL Invest.

Da proposta da redução de negócio e da reformulação de projecto apresentado consta que pelo valor de 1 milhão de euros já transferidos para a autarquia, a empresa promotora do imóvel passa a ser proprietárias apenas do Lote 5, terreno com 1,115 metros quadrados, junto ao Largo Camões (onde está a fonte luminosa). Os restantes terrenos (onde em tempo funcionou o Mercado Municipal temporário), designados neste negócio como “Lote 18+ Parcela B” com dimensão de 5,204 metros quadrados, continuam a ser propriedade da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis.

Com o negócio a ser realizado nos próximos tempos, a ideia da empresa APCL Invest é construir nesta área um bloco de apartamentos onde também está inserida uma pequena galeria comercial com poucas lojas.

Neste “buraco” no Largo Luís de Camões serão construídos um bloco de apartamentos e uma pequena galeria comercial

“Forma única para resolver o problema”

Para o presidente da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis este é “um excelente negócio” uma vez que o o terreno está a ser comprado por uma valor superior ao valor de mercado. “Não me lembro de algum terreno ter sido vendido por 900 euros o metro quadrado”, defende Joaquim Jorge. O edil oliveirense que este negócio é “a oportunidade de resolver um problema que nos preocupada a todos”, declarando mesmo que está será “forma única de resolver o problema”.

PSD propõe avanço para processo judicial

O vereador da bancada social-democrata, Albino Martins, durante a sua intervenção sobre o tema chamou a atenção para o facto de naquele terreno “ser possível construir nove andares para cima e mais quatro subterrâneos, perfazendo treze andares”, analisando que este facto poderá desvalorizar os terrenos que continuam na posse da Câmara Municipal de Oliveira de Azeméis.

Nas várias intervenções dos deputados da bancada social-democrata sobre o tema, houve uma ideia que foi deixada no ar. A autarquia deveria de avançar com processo judicial contra a empresa promotora do shopping Azeméis Gran Plaza não ter cumprido o contrato inicialmente estipulado.

AZEMÉIS.NET é uma magazine digital (criada em agosto de 2019) pensada em promover o que de melhor se faz em Oliveira de Azeméis. É um projeto que olha para o nosso concelho, e a nossa gente, pela positiva e que quer puxar pelo orgulho oliveirense. Procuraremos ser a pegada digital para demonstrar que Azeméis é realmente vida... e que somos vivos!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here